Livro Movie Icons: Audrey Hepburn ou o meu achado preferido no Sebo

Oi, tudo bem? Confesso que este post poderia ter saído já na terça-feira, mas a preguiça dos meus primeiros dias de férias tomou conta de mim e eu não fiz nada de útil. hehe Mas aqui estou eu para contar essa história maravilhosa:

Estava eu há umas duas semanas olhando pelo Sebo da minha cidade, quando decido olhar a prateleira de cinema. E lá estava ele, o livro que eu levaria pra casa naquele dia. ❤ Foi amor no mesmo instante. Quando li o nome Audrey Hepburn agarrei o livro e já soltei uns gritinhos. Até falei pra atendente: “por isso que eu amo esse lugar” (eles devem me achar louca lá).

livro movie icons Audrey Hepburn - About The Other Things

Acontece que eu peguei o livro, vi que tinha umas fotos maravilhosas da Audrey, chequei o preço (R$15) e levei. Nem sabia do que se tratava direito, mas sabia que eu queria e que com certeza viraria um post.

Ao pesquisar na internet, não consegui achar exatamente o mesmo livro que eu tinha comprado, com a capa igual e tudo mais. Apenas o mesmo nome aparecia. Então olhei na última página do livro. Acontece que este que comprei no Sebo é uma edição especial da série Movie Icons da Editora Taschen, e esta minha edição foi publicada pela Barnes & Nobles, em 2008. Pelo que entendi o conteúdo é igual, apenas muda a aparência do livro, que ganha essa capa dourada lindona.

livro movie icons Audrey Hepburn 2 - About The Other Things

Essa série, a Movie Icons, é composta por livros fotográficos que retratam personalidades famosas na história do Cinema. Este, em especial, apresenta Audrey Hepburn em 192 páginas por meio de uma biografia visual.

livro movie icons Audrey Hepburn 4 - About The Other Things

Ao todo são 150 retratos, posteres e “lobby cards” (posteres menores), filmes raros e fotos inéditas. As imagens são acompanhadas por uma pequena introdução de diretores de filmes, que estão em inglês, alemão e francês (eu acho). O livro também inclui uma cronologia, filmografia e biografia, com citações dos filmes e da vida de Audrey. Ou seja, é muito amor! ❤

livro movie icons Audrey Hepburn 5 - About The Other Things

livro movie icons Audrey Hepburn 3 - About The Other Things

Fotos: Gabrielle Dias Figueiredo

Faz um tempo que tenho curtido a Audrey e sua história, tenho algumas coisas no meu quarto, como almofada, quadros e também t-shirt, mas eu ainda não tinha nenhum livro. Ainda bem que o Sebo tá aí pra suprir essa falta, né? E ah, você que levou esse livro pro Sebo, fica aqui meu obrigada ❤

Eu encontrei este link com a versão original do livro pra quem quiser comprar.

E aí, você também gosta da Audrey? Tem algum livro dela? Me conta, vou adorar saber 😉

Beijos, Gabi.

Os últimos filmes que eu assisti

ultimos filmes

Oi, tudo bem? Depois de mês sem postar nada aqui no blog, tô de volta! A faculdade tomou meu tempo livre e como eu estava terminando um projeto bem importante não conseguia pensar em nada além disso. Maaas, águas passadas e agora como entro em férias pretendo dar um gás aqui no blog.

E para marcar essa volta resolvi compartilhar os últimos filmes que eu vi nessas semanas e minhas impressões sobre eles. Deixando claro que eu estava mesmo atolada de coisas pra fazer, mas dei meus pulos e achei um tempinho pra ver alguns filmes. Quem nunca?

Eu gosto de ler esse tipo de post, pois me dá algumas ideias do que assistir ou até do que não assistir. Então vamos lá:

Divertida Mente

Assisti esse filme no cinema neste último final de semana com meu namorado. Fazia tempo que não íamos no cinema e como eu estava querendo de ver Divertida Mente faz tempo, aproveitamos. Eu tinha ouvido muitos comentários bons sobre o filme, e realmente eu gostei bastante. É aquele filme feito pra criança, mas que não é de criança, sabe? Tem toda uma história por traz que te faz refletir. E claro, chorei. Num filme de animação. Essa sou eu.

Blended

A escolha desse filme foi por pura curiosidade. Queria ver como seria ver o Adam Sandler e a Drew Barrymore juntos novamente. Na minha coluna no blog A Girl A Planet já rolou um post onde eu falo quais são meus filmes favoritos da vida e “Como se fosse a primeira vez“, filme que é um dos marcos desse “casal”, está entre eles. Em Blended, um personagem até reaparece. hehe

Conclusão: é legal, mas podia ser melhor. É uma comédia romântica legalzinha, mas previsível. Quando assisti, me lembrei muito de Esposa de Mentirinha, também protagonizado pelo Adam, e que, na minha opinião, é melhor. Mas é um filme ok para um dia de bobeira.

Focus 

Eu gosto bastante dos filmes do Will Smith, então certeza que ia ver esse. Ele tem um toque de ação, mas no final, pra mim, acabou sendo uma comédia romântica mesmo, o que funcionou bem pro filme. Achei o filme legal, mas nada muito fantástico assim. O final me surpreendeu e deixou o enredo menos previsível.

Begin Again

Gostei bastante desse filme, por motivos de: o Adam Levine está nele. Mentira. Não foi por isso. hauha Achei o filme bem gostosinho e tem uma trilha sonora boa. Essa versão de Lost Star, música que rola no filme, me emocionou! Filme, fofo, hein! ❤

Se você já viu algum desses filmes me conta suas impressões também!

Beijos,

Gabi.

 

VÍDEO: Respondendo a TAG Viciada em Séries

Sim, eu gravei um vídeo. Acontece que depois de tantos anos vendo vídeos no youtube eu finalmente tive coragem e gravei um também! Chamei meu amigo Misael (que já fez este post por aqui) para passar vergonha gravar comigo e respondemos a TAG Viciada em Séries. Achei que essa TAG faria sentido, já que eu falo de algumas séries por aqui. Espero que vocês gostem!

Ah, como esse é o meu primeiro vídeo nem preciso dizer que ainda não manjo dos paranauê, né? Ou seja, essa minha cara de tansa em vários momentos é porque não estava sabendo muito bem como me comportar hahaha A edição quem fez foi o Misael, porque eu também não manjo desses paranauê!

E se você também ficou afim de responder essa tag, seja em vídeo ou por texto mesmo, aqui estão as perguntinhas:

1. Qual a sua série favorita?

2. Qual série você indica para todo mundo?

3. Qual série tem o melhor figurino?

4. Qual foi a última série que você assistiu?

5. Já ficou triste com o final de alguma série?

6. Qual personagem você gostaria de ser?

7. Qual série você tem vontade de assistir?

8. Qual série você não tem vontade de assistir?

9. Você já assistiu alguma série só por assistir?

10. Pense em alguém, diga o nome dessa pessoa e fale uma série que vocês gostam em comum.

Um beijo,

Gabi.

Vale a pena conhecer: Salvador Vegan Café

Oi, tudo bem? Queria começar dizendo que este é um dos posts mais especiais que já escrevi por aqui! Falar sobre o Salvador Vegan Café é tão especial, mas tão especial que nem sei explicar. Além de ser a primeira cafeteria vegana em Joinville/Santa Catarina, o lugar é também a realização de um sonho de duas pessoas: Bruno Isidoro (meu namorado), vegano há 11 anos, e Ribas, vegano há 8. Eu sei como meu namorado sonhou em ter um lugar assim e é tão incrível que isso finalmente se tornou realidade. É aquela coisa de quando você sonha com algo com certeza pode realizar! ❤

Salvador Vegan Café

Foto: Divulgação

Bom, o Salvador Vegan Café inaugurou faz um mês em Joinville – cidade onde faço faculdade – e já se tornou referência pra muita gente daqui. Antes, para encontrar lugares assim aqui na região, era preciso ir pra Curitiba, Balneário Camboriú, Florianópolis e até São Paulo. Agora, Joinville conta com um estabelecimento 100% vegano, o Salvador Vegan Café.

A ideia de criar o lugar surgiu de uma conversa sem muitas pretensões entre os donos, mas dali eles perceberam o quão importante seria a construção deste espaço. E não só pra eles, mas também para a cidade. A ideia do café vegano é ter alimentos gostosos, bonitos, onde quem é vegan possa entrar e comer, sem precisar se preocupar com os ingredientes.

Cardápio

Tá, mas aí você pode se perguntar o que tem para comer em uma cafeteria vegana, né? Então, além dos vários cafés, como cappuccino, mocca, machiato e a utilização do chantilly, existem diversas opções de comida, como pizzas, torta salgada, empadinhas, empadão, pãezinhos de “queijo” e coxinha. E os doces também marcam presença! Os bolos e as tortas doces de limão, chocolate e maracujá fazem sucesso por aqui! Também rola a especialidade da casa, o Gorila Shake, que é um “milk shake”, só que ao invés do sorvete, a base é a banana. Os sabores são morango, chocolate, açaí e paçoca. Uma delícia! Apesar de ser tudo vegano, é cardápio agrada quem não é vegan também, viu? Digo isso por experiência própria. haha

Separei algumas fotinhos que são compartilhadas na página no facebook para dar água na boca:

Salvador Vegan Café

Fotos: Divulgação Facebook

Sobre o nome

O que legal é que a escolha do nome também tem um motivo bacana. A cidade de Salvador foi palco de um dos episódios mais importantes de resistência negra no período de escravidão do Brasil. Em 1835, um grupo de escravos de origem africana e orientação islâmica se organizou politicamente na intenção de derrubar o sistema vigente. A ação, conhecida como Revolta dos Malês, não teve sucesso, mas o poder de organização e mobilização dos escravos mostrou a força de resistência e repercute até hoje.

A escolha do nome “Salvador” para o primeiro estabelecimento vegano de Joinville tem vários motivos, todos ligados ao “existir”, “questionar” e “resistir”. Porém, esta história de luta na cidade de Salvador é a maior inspiração para o Bruno e para o Luiz. “Acreditamos que a luta pelos direitos dos animais deve estar atrelada a luta pelos direitos humanos. Por isso, em defesa do poder de resistência e da luta pela libertação humana e animal apresentamos em nossa identidade visual a referência à cidade de Salvador e, consequentemente, à Revolta dos Malês. Temos a certeza que a construção de uma sociedade mais justa é possível, por meio da informação e da discussão“, explica Bruno.

logo salvador vegan café

A intenção é que Salvador também promova discussões sobre direitos humanos e direitos dos animais, além de ser um espaço cultural, com a exposição de fotografias e obras de arte. No local, também há a Barba Ruiva Livros, livraria com obras a preços populares.

Você pode conhecer melhor como é a atmosfera do lugar neste vídeo aqui:

Bom, então é isso, queria compartilhar aqui, com um post bem bonitinho, sobre o lugar mais bacana de Joinville hahaha Espero que tenham gostado e se um dia passar por aqui, faz uma visitinha! O endereço é Rua Henrique Meyer, 61, sl. 3, Centro – Joinville, e o horário de funcionamento é de segunda a sexta, das 9h30 às 20h30 e nos sábado das 10h às 21h.

Um beijo,

Gabi.